decorar

Arquilego

novembro 13, 2014

A Marcela e o Marcel são arquitetos e tiveram uma ideia muito legal: oferecer projetos de decoração onde o processo de atendimento e criação é 100% online. Isso faz com que o preço caia e muita gente consiga realizar seu sonho de deixar seu apezinho lindo. Ótima ideia, né? Leia nossa entrevista com eles! 

***

Como surgiu a ideia do Arquilego? Sempre adoramos o meio da arquitetura e decoração e ao montar nosso apê, em especial, percebemos a dificuldade na perspectiva do cliente, em como dar o pontapé inicial sem ter que gastar muito e esperar muito por um projeto, uma vez que contratar um escritório tradicional ou um arquiteto renomado nos custaria tempo, deslocamento e dinheiro. 

Na época estávamos empregados e sem tempo para nos dedicar, mas abraçamos a causa como um projeto piloto e elaboramos um conjunto de entregáveis, tal como uma “receita de bolo” que qualquer leigo no assunto pudesse pegar e fazer com nenhum ou um mínimo de suporte. E assim fizemos! 

Percebemos ainda que faltava no mercado um meio mais democrático, leia-se acessível em termos de preço para se obter essa mesma receita de bolo e ao mesmo tempo mais prático, leia-se, online, para que mesmo à distância o cliente pudesse nos encontrar e adquirir um projeto. Tínhamos um sentimento de que em cidades do interior, o arquiteto é caro ou inexistente e como somos um país de tamanho continental teríamos uma boa oportunidade a explorar.

10672352_324147694431547_9109142939866693724_nAssim, pesquisamos modelos de negócios similares ao nosso no exterior e resolvemos adaptar um modelo à realidade brasileira. Com poucos recursos lançamos o site com apenas 100 dólares e em 2 semanas de operação vendemos o primeiro projeto, que nos permitiu investir mais, trazer mais projetos e formalizar a empresa.

Pedimos demissão de nossos empregos para nos dedicarmos 100% a nova empresa e ficamos surpresos com a quantidade de pedidos que chegavam através do site dos lugares mais remotos do Brasil, o que demonstra que estávamos no caminho certo. Já entregamos projetos para clientes das grandes capitais brasileiras e também para (apenas para ilustrar): Ilha Grande-RJ, Muqui-ES, Belém do Pará, Olinda, Campinas, Maricá-RJ, Friburgo-RJ e por aí vai. 

Quem procura vocês? Como é esse cliente? Os mais diversos clientes nos procuram, desde jovens casais que estão montando a casa nova, jovens solteiros que querem dar um upgrade no visual de seu apê ou que adquiriram apartamentos na planta, a madura dona-de-casa que sabe o que quer em sua cozinha, a mãe que quer transformar um quarto para o filho, o pai que quer montar a tão sonhada área de lazer para sua família, investidores que compram lotes e constroem edificações para fins de venda/locação, Lojistas que querem projetos para aumentarem as vendas de suas lojas, empreendedores que querem decorar seu escritório para fins de aumento produtividade, médicos e dentistas para montar o consultório e melhor receberem seus pacientes, etc.

Se eu quero mudar a minha casa, qual é o primeiro passo? Como funciona o projeto? É bem simples. Basta acessar o nosso site, solicitar um orçamento preenchendo um breve formulário. Nós te enviaremos uma proposta e ao fechar conosco, você precisa nos enviar fotos e a planta do ambiente que pretende transformar (pode ser um croqui feito a mão). Um de nossos arquitetos é alocado em seu projeto, entra em contato contigo por telefone ou skype e detalha com você todos os seus gostos e expectativas, dando início ao seu projeto logo em seguida. Em até 10 dias úteis você recebe a versão preliminar para realizar comentários e em mais 10 dias úteis te entregamos a versão executiva, a tal “receita de bolo”.

Qual foi o projeto mais desafiador de planejar e o mais criativo?  Todo projeto é um novo desafio e exige de nossa equipe o máximo de criatividade. Posso destacar dois deles, em especial. Um projeto foi adaptar uma sala-de-estar para uma cliente que tinha 3 lindos gatinhos e queria tudo adaptado aos gatos, para que esses pudessem brincar a vontade. Fizemos uma pesquisa bem legal e sugerimos mini-escadas e guias para que os gatinhos pudessem brincar explorando o máximo do pé-direito do apê, sem perder a função de sala-de-estar.

10577146_295807997265517_8907858376372246937_nOutro projeto foi adaptar um apartamento de 90m2 para um jovem médico que gosta de receber amigos, tomar um vinho e fazer drinks e que pretendia trazer a sua avó de 90 anos para morar com ele. A avó era cadeirante e projetamos o apê em termos de acessibilidade e segurança. Um banheiro foi totalmente adaptado a essa situação e todos os móveis foram planejados e dispostos para que a avó do cliente pudesse circular a vontade. E por fim, na sala, criamos um espaço bem legal com direito a cantinho de adega para nosso médico “barman”. 

Apezinho bom de morar é aquele que… tem a sua cara e a de sua família, que te aconchega, que te alegra ao entrar, que deixa saudades ao viajar e que deixa os seus amigos e familiares se sentindo em casa e maravilhados com o seu interior.

Nota do Apezinho: Quer seguir o Arquilego? Eles estão no siteFace, You Tube,  Google + e Instagram!

Você também pode gostar de

3 Comentários

  • RespondaRosana Carvalhodezembro 23, 2014 at 2:21 am

    Meu desafio, conseguir fazer do meu AP, de um quarto só, dividi-lo em 2 espacos, um de casal e outro pra nossa filha de 8 anos. Sei q milagres vcs nao fazem, mas… ja me disseram q com marcenaria de aproveita cada cantinho, entao. Fica aqui meu helppppppp.

    casal e outro

    • RespondaFernandajaneiro 8, 2015 at 6:42 pm

      Olá Rosana, conheça nosso site. Também oferecemos projetos online acessíveis.
      http://www.conceitodeestilo.com.br

    • Daniela Pereira
      RespondaDaniela Pereirajaneiro 29, 2015 at 1:28 pm

      Oi Rosana, vamos perguntar para nossos amigos e logo logo te enviamos a resposta, ok? Beijos!

    Deixe uma resposta