contar

Arte de pai e filha

agosto 20, 2013
O Marcos é um pai muito apaixonado pela Ana Luisa. Quem não seria, né? Olha que princesa mais linda! Ele nos deu esse depoimento bacana sobre como conseguiu criar com a sua pequenina uma luminária baratíssima e super criativa: a luminária maluca!
 
Conta pra gente, Marquinhos!
 
 
DSC_0857“Esse experimento nasceu por dois motivos: queria bolar alguma coisa legal para um cantinho da casa e envolver a minha filha para ajudar na montagem. Assim, eu transformaria tudo numa grande brincadeira!
 
Sabe o que eu aproveitei? Uma lata de biscoito que chegava ao fim e um tripé de fotografia que nunca usei e estava encostado! Assim nasceu a nova luminária, que a Ana Luisa batizou como ‘Luminária Maluca’!
 
Como ela tem só 4 anos não participou de todas as etapas da montagem do nosso monstrinho, mas ajudou bastante tanto na criação quanto nas sprayzadas de tinta na lata e na escolha do cantinho onde ela ficaria depois de pronta!
 
O material que usamos foram coisas que eu já tinha aqui em casa, mas que sem dúvida têm um custo baixo, sem contar que a lata também pode ser substituída por uma infinidade de coisas, como uma outra lata, um baldinho, ou, de repente, vale até sacrificar uma dessas lixeirinhas de inox que se usa nos lavabos!
 
DSC_0534Material Usado 
 

1 tripé telescópico de máquina fotográfica

1 lata de biscoito cracker da marca Dux (vende no Zona Sul)

1 lâmpada de cor âmbar de 50v, dessas usadas para iluminação de jardim (comprada na Amoedo)

1 tinta spray preto fosco

1 verniz spray acrilex fosco

1 rabicho com soquete e interruptor

DSC_0527Instruções

A única coisa que deu algum trabalho foi fazer o corte redondo no fundo da lata para encaixar o soquete. Mas a lata desse biscoito parece que foi fabricada para ser transformada em luminária, pois, acreditem, ela tem a marcação com o diâmetro exato para ser cortado no fundo! Fiz esse corte com uma dremel com disco diamantado com certo cuidado pra não amassar a lata.

 

DSC_0541Depois disso fiz um pequeno furo um pouco antes do meio da lata para fixar no tripé. O parafuso usado foi o próprio tripé, pois ele conta com um encaixe de câmera, que pode ser descartado e com isso fica sobrando esse parafuso já com encaixe perfeito!

 

 

 

DSC_0549Feitos os furos, chega a vez da farra de pintar a lata! Nessa hora fomos para a varanda, forramos o chão com jornal e pintamos apenas a parte de fora, deixando a interna com a textura refletiva, que dá um efeito bacana quando ela está ligada.

 

 

A tinta spray fosca seca muito rápido, então cerca de 30 minutos depois você já pode aplicar o verniz acrílico fosco, que serve apenas para proteger a pintura e evitar que ela descasque.

Captura de Tela 2013-07-28 às 23.17.00Com a pintura pronta é hora de passar o fio por dentro do tripé até o topo do telescópio. No meu caso foi preciso fazer um furinho no topo do telescópio para o fio sair e finalmente conectá-lo ao soquete que será rosqueado no fundo da lata.

 

 

Pronto!

Agora é só colocar a lâmpada e escolher um canto para a Luminária Maluca iluminar as ideias e novas invenções daqui de casa!”

DSC_0571

 

Você também pode gostar de

Nenhum comentário

Deixe uma resposta