manter

Repelentes naturais

julho 4, 2014

As formigas estão por todo lado: em casa, no escritório, no hospital, na horta, um transtorno! Mesmo com o ambiente limpo, elas aparecem! Existem várias espécies de formigas. São mais de 12 mil, sendo que 30 de “formigas urbanas”! Isso mesmo, mais de doze mil espécies espalhadas pelo planeta, exceto nas regiões polares. Impossível não lembrar do livro Cem Anos de Solidão.

1É curioso que, apesar de poderem carregar no seu corpo microrganismos patogênicos que causam infecções, as formigas não são tão odiadas nem temidas como as baratas. Isso acontece provavelmente por seu histórico simpático em nosso imaginário, a começar pela fábula A Cigarra e a Formiga, na qual a formiga dá o bom exemplo, e por diversos outros desenhos animados como a Formiga Atômica ou Formiguinhaz. Foto veio daqui.

2As formigas são terríveis! Não ficam só na cozinha ou no banheiro, onde há matéria orgânica, elas podem se instalar em geladeiras, fornos, aparelhos de som, televisores, microcomputadores, aparelhos de DVD etc provocando danos como corrosão. Há fotos divertidas como a do Andrei Pavlov, fotógrafo russo, encontrada aqui. Essa foto da tampinha é dele! :)

O que as atrai? De acordo com Fernando Bernardini, da unidade de Saúde Ambiental da Bayer CropScience, “pia molhada atrai formigas por causa da oferta de água, assim como restos de alimentos, e elas adoram se esconder atrás do azulejo mal colocado ou mal rejuntado, fazendo daquele espaço seu abrigo.”  

Como evitá-las? É simples e dá para fazer com ajuda de algumas produtos que encontramos na cozinha. Para prevenir o seu aparecimento, é preciso:

a) Verificar se há rachaduras nos azulejos e pisos, falta de rejunte nos azulejos e pisos, fissuras, trincas e buracos nas paredes, rodapés, batentes, armários, principalmente antigos, e providenciar a sua manutenção. No caso dos rejuntes e pequenos buracos podemos fechá-los com pedaços de sabão de coco em barra umedecidos (para manuseá-lo) até a sua correção efetiva com rejunte ou outra massa apropriada.

b) Verificar se há algum tipo de acúmulo de água na pia, tanque, chuveiro, piso decorrente de vazamento, de uma torneira que não esteja totalmente fechada ou ao final de lavar a louça e providenciar a solução. Isso evitará formigas e desperdício!

c) Manter os lugares secos e limpos, sem restos de alimentos e resíduos – o lixo deve ser mantido fechado e coletado com frequência, a louça lavada, o chão varrido, eletrodomésticos devem ser limpos sempre que usados, inclusive a área sob os mesmos. Se tiver animal de estimação, uma boa prática é lavar os potinhos assim que ele acabar de comer, não deixando resíduos da comida.

d) Manter os alimentos como açúcar e doces em recipientes fechados – de preferência hermeticamente – ou acondicionadas em geladeira.

3e) Usar substâncias naturais repelentes de formigas dentro dos armários e gavetasfolhas de louro, salsinha, cascas de tangerina, cravo-da-índia e canela, conforme recomendado pelas Dras. Ana Eugênia de Carvalho Campos, do Instituto Biológico de São Paulo e Priscila Cintra Socolowski, do Controle de Animais Sinantrópicos do Hospital das Clínicas da Unesp de Botucatu. Foto veio daqui. 

4Distribuir cravo-da-índia em pequenos potinhos ou em saquinhos de tule e/ou pedaços de canela nos armários e gavetas funciona bem. Além de espantar as formigas, deixa um cheirinho agradável nas louças e talheres. A troca pode ser feita quando o aroma estiver fraco, dependendo da época, pode levar um pouco mais de 2 semanas. Foto veio daqui.  

f) Depois de lavar a pia (da cozinha e do banheiro), despejar vinagre branco de álcool ou suco de limão ou vinagre com bicarbonato de sódio. O mesmo procedimento pode ser adotado com as latas de lixo depois de lavadas. O uso de vinagre, limão e outros cítricos na limpeza espantam insetos em geral, não só formigas como baratinhas também. Quem tem animal de estimação pode usar sem preocupação de provocar alergias ou intoxicação em nossos queridinhos.

Quem nos acompanha já conhece as dicas de limpeza com vinagre, limão e bicarbonato.

5g) Usar óleo essencial de menta, hortelã ou canela nas janelas e portas para evitar a entrada das formigas ou ao redor dos vasinhos de plantas. A canela pode ser usada em pó também. Foto tirada daqui.

 

 

 Humm, que cheirinho bom! Que tal aproveitar e dedicar um tempo maior para perfumar o seu cantinho? A Daniela Pereira nos deu várias dicas aqui. 

6Quem faz tratamento homeopático deve evitar o uso dos óleos essenciais de menta, hortelã, eucalipto que afetam a efetividade desses remédios. Converse com seu médico a respeito. Foto daqui.

 

 

 

 

E como se livrar das formigas?

1) Com a utilização de uma solução de água com detergente (1:1) que pode ser injetada, com o auxílio de uma seringa, nos orifícios da parede ou azulejo por onde as formigas entram e saem, sempre que forem observadas no local.

2) Da mesma forma, pode ser aplicado vinagre, suco de limão ou álcool.

3) Esses orifícios devem ser fechados com sabão de coco, sabão em pasta, ou rejunte.

4) Iscas naturais – farinha de milho: deixá-la próximo a trilha das formigas para que se alimentem da farinha. Acompanhar o movimento dos insetos na área e se necessário adicionar mais farinha até o desaparecimento das formigas naquele local.

Elas podem se deslocar para outro lugar. Verifique e comece de novo até se livrar delas.

5) No vasinho de plantas – misturar água e suco de limão (uma limonada sem açúcar) e jogar na terra, evitar molhar a planta com essa mistura. Outras dicas como água com sabão de coco estão aqui.

Para evitar a saída do vasinho de plantas para outros locais, pode ser usada a medida preventiva com óleo essencial ou canela em pó. Assim como no combate às baratas, o ideal é uma ação conjunta com os vizinhos e o condomínio para evitar reinfestações.

Precisamos de paciência mas vale a pena, o uso de repelentes e de iscas naturais agride menos a nossa saúde, o nosso bolso e o meio ambiente. É tudo de bom! Mais dicas você encontra aquiE um vídeo neste linkOs especialistas mencionados neste post aparecem em notícias publicadas na internet, cuja íntegra  pode ser lida aqui e aqui.

Nota: Não recebemos nada para divulgar as empresas mencionadas neste post. 

Você também pode gostar de

2 Comentários

  • RespondaCleópatrasetembro 14, 2014 at 11:45 pm

    Nossa, fantástica dica! Meu problema maior são com as danadas das baratinhas difíceis de sumir… Prédio muito antigo é tipo morada delas.. Eca! Já quase eliminei mais elas seeempre voltam.. Vou tentar! Obg pelas dicas!

  • RespondaGILBERTO DE OLIVEIRA ARANHAfevereiro 14, 2016 at 3:46 pm

    POR FAVOR COMO RETIRAR AS FORMIGAS QUE ME ATACAM A 24 HORAR DIA .

  • Deixe uma resposta