comer

Frutas e legumes de inverno

junho 23, 2014

Seguindo nosso propósito de desfrutar de uma alimentação saudável, tendo um cardápio mais saboroso e econômico, vamos aos alimentos típicos do inverno, estação que começa formalmente no Brasil em 21 de junho.

Dicas! Vale visitar o site da ANVISA para conhecer os alimentos mais contaminados por uso excessivo ou inadequado de agrotóxicos, como o pimentão verde e o morango (uma pena!).

Se você quiser consumir produtos orgânicos, encontre as feirinhas da sua cidade. Algumas redes de supermercado também oferecem tais produtos, oba! 

3Frutas de Inverno (junho, julho e agosto)

Abacate, Maçã (importada), Laranja baia, Laranja lima, Maracujá, Morango e Tangerina poncã. Imagem encontrada aqui.

 

 

 

 

 Hortaliças e Legumes de Outono (junho, julho e agosto) – Abóbora Japonesa, Abobrinha Italiana (a partir de agosto), Agrião, Aspargos (importado) em junho, Batata baroa ou mandioquinhaBatata Doce, Brocólis, CaráCouve, Ervilha, Espinafre, Inhame e Mandioca ou Aipim e Rabanete.

2

Imagem encontrada aqui.

Observando a lista, percebe-se a quantidade de alimentos mais quentinhos como o inhame, mandioca e uma variedade de batatas –  doce, baroa ou mandioquinha. Aí surge aquela dúvida, como identificá-las? Achamos essa notícia, que explica a diferença nutricional das batatas com ilustrações e vídeo.

Fazendo a feira com os produtos da estação dá para elaborar um cardápio bastante variado de: sopas (abóbora, legumes, aspargos com espinafre), cremes (aspargos e ervilhas) e caldo verde, além dos purês para acompanhamento (batata doce e/ou de baroa, inhame, cará, espinafre, abóbora japonesa).

Sugestões:

5Aspargos Grelhados – Que delícia! Em junho ainda há aspargos frescos nos supermercados. Super fácil! Mais uma receitinha para nossa lista de fornoÉ só lavar, cortar a pontinha geralmente mais endurecida e passar a faca de leve por todo o “caule” para descascar. Arrumar na assadeira , regar com um pouco de azeite e salpicar sal marinho a gosto. Levar no forno para assar por uns 15 minutinhos. Foto the kitchn.

Esse vídeo do Chef Claude Troisgros é show: explica como descascar e nos dá uma receita de aspargos fritos.

Bolinho de mandioca com pupunha e taioba.

7Bebida cremosa de abacate a base de iogurte (Lassi) – típica da Índia. Serve: 2 pessoas

Ingredientes: 2 abacates maduros, ½ xícara de iogurte integral ou grego, 1 xícara de leite integral, 2 a 3 colheres de sopa de açúcar ou mel, a gosto, 1 a 2 colheres de chá de sementes de cardamomo amassadas, a gosto. 1 colher de sopa de água de rosas (opcional – dá uma nota floral delicada).

Modo de Preparo: Cortar os abacates ao meio em sentido longitudinal, descascar e cortar em pedaços grandes. No liquidificador ou processador, coloque o abacate cortado, o iogurte, o leite, o açúcar ou mel, as sementes de cardamomo e a água de rosas. Bater até alcançar a consistência cremosa. Provar e se necessário acrescentar mais açúcar ou mel. Pode ser feito com antecedência e conservar na geladeira. Sirva gelado. Fotos e receita adaptada daqui.

1E para a sobremesa, que tal maçãs cozidas no vinho? As vermelhas ficam ótimas cozidas em vinho tinto e as verdes em vinho branco. É facílimo de preparar: lavar as maçãs, retirar o miolo, cortar em 4 partes e colocar na panela (não precisa descascar), acrescentar 1 copo de água, 1 copo de vinho, 1 a 2 colheres de açúcar, a gosto, canela (opcional) e ferver por uns 30 minutos. Quanto mais tempo, cozinhar, mais macia ficará a consistência.

Se precisar de mais líquido para cozinhar (pois depende da quantidade de maçãs), basta acrescentar a mesma quantidade de água e vinho. As maçãs podem ser servidas quentes ou frias, acompanhadas de sorvete, creme de leite. Adoro! Se sobrar, dá para comer fria (sem acompanhamento) no café da manhã como os argentinos. ;) Imagem encontrada aqui.

Dicas de vinhos? Dá uma olhada aqui. Além do vinho, as noites de inverno são perfeitas para saborear uma boa massa ou uma tábua de queijos. Ah, as velas ajudam a compor o clima aconchegante.

Curtiu? Então leia o primeiro post da série sobre o outono!

Você também pode gostar de

Nenhum comentário

Deixe uma resposta