buscar

Curativos Urbanos

fevereiro 16, 2014

O Apezinho conheceu pessoas admiráveis quando decidiu escrever a série Gente do Bem – Eles amam as suas cidades! Aqui Bate um CoraçãoRUA – Rastros Urbanos de Amor, Canteiros Coletivos e Bela Rua são projetos transformadores que aliam criatividade à reflexão e nos deixam com vontade de fazer com que nossas cidades sejam, efetivamente, das pessoas.

Fechamos nossa série conhecendo os Curativos Urbanos. Quem fala sobre ele é a Jeniffer, que trabalha em grupo com o Renato, Rafaella, Aline, Ana e Maria!

Jeniffer, seja bem-vinda ao Apezinho!

“O Curativos Urbanos é uma ação que usa cor e bom humor para despertar a atenção sobre os machucados das calçadas – que podem machucar muita gente por aí.

14941_332845233486289_1201721139_nSomos um grupo de 6 pessoas que usa bastante a cidade e, por isso, conversamos muito sobre poluição, ruído, mobilidade e como os espaços públicos são, na maioria das vezes, pouco interessantes. Um dia, sentimos a necessidade de fazer algo para melhorar esse pontos, nem que seja algo pequeno. O projeto nasceu dessa vontade. Acreditamos que uma boa calçada é boa para todos: crianças, pessoas com deficiência, idosos. Todo o cidadão deve ter condições de se locomover pela sua cidade com qualidade e, para isso, o mínimo que precisa são calçadas decentes.

486296_306409086129904_1688687339_nNosso objetivo é chamar a atenção tanto da sociedade como do poder público. Queremos incentivar as pessoas a analisarem o local que passam todos os dias, a falarem sobre isso e, quem sabe, se interessar mais pelo assunto. Acreditamos muito na força que as pessoas têm para mudar a realidade em que vivem. Outro ponto importante é que muitos acham que o poder público é responsável pela conservação e manutenção da calçada em frente à sua casa, quando na verdade essa responsabilidade é do proprietário do imóvel e até do locatário (com exceção de locais de responsabilidade do governo). Claro que o governo tem o dever de fiscalizar, mas o cidadão também precisa fazer a sua parte. Então nosso objetivo é também informar e esclarecer dúvidas.

A ação já aconteceu em São Paulo – SP, nas regiões da Paulista, Pinheiros, Vila Madalena, Bixiga, República e Vale do Anhangabaú, e também no Rio de Janeiro – RJ, por Botafogo e Gávea. A ideia é fazer a intervenção sempre que a gente puder e incentivar quem quiser participar dessa ideia. Aliás, pessoas de fora do grupo já fizeram a ação nas suas cidades: Campinas – SP, Assis – SP, Porto Alegre, Viamão, Pelotas – RS, Vitória da Conquista – BA, Paris – França e Roma – Itália.

530976_302315679872578_1161947655_nNessas primeiras ações, os curativos foram feitos de EVA. Apesar de reciclável e reutilizável, é um material que exige monitoramento para garantir que não vire lixo. E isso acaba fazendo com que a ação dure pouco tempo, pois logo recolhemos os curativos ou eles são levados pelo pessoal da limpeza. Agora estamos estudando outros materiais para as próximas ações. Alguma sugestão?

Para 2014 temos a missão de trazer o assunto aos veículos de mídia por todo o Brasil, tentando fazer com que as pessoas discutam mais, se interessem mais, e com isso façam com que o assunto vire pauta para as eleições que acontecem neste ano. Apesar da responsabilidade de fiscalizar e legislar ser municipal, achamos importante o debate em âmbito estadual e nacional. Então podem esperar mais ações para este ano.”

Nota do Apezinho: Curtiu? Conheça todos os posts que fizemos sobre Intervenção Urbana!

Você também pode gostar de

1 comentário

  • RespondaSandraCuryfevereiro 20, 2014 at 8:59 pm

    Achei , uma ótima ideia .Chama a atenção para a precariedade da maioria dos calçamentos , podendo ser q as autoridades competentes , tomem alguma atitude !

  • Deixe uma resposta